No início deste mês de setembro, aconteceu na Cidade da Guatemala a primeira edição da AgroVisión. O evento teve como objetivo buscar alternativas sustentáveis para o desenvolvimento da agricultura na região centro-americana.  O Diretor Técnico da Hanns R. Neumann Stiftung do Brasil, Max Ochoa, participou como palestrante. Sua apresentação abordou a análise dos desafios da agricultura e do setor cafeeiro para responder à crescente demanda, à conservação do agro ecossistema e as fontes de renda e sustento de famílias que dependem do café no contexto das mudanças climáticas.

“Algumas respostas vêm de nossas experiências de projetos da iniciativa café&clima (c&c) que visa aumentar as capacidades de adaptação dos produtores e as suas comunidades para serem resilientes às mudanças climáticas.” Comentou Max.

Fernanda Faria, coordenadora da Iniciativa c&c também comentou sua experiência no evento:

“A AgroVisión agrupou vários temas relacionados às diferentes culturas, inclusive café, indo desde as tecnologias que são utilizadas e os desafios encontrados, à inclusão de iniciativas como c&c que estão sendo desenvolvidas e implementadas visando minimizar os impactos causados por um manejo inadequado. Sendo que dos diversos pontos a se observar, o público é um dos mais importantes, pois contava com a presença de especialistas, estudantes e demais atores envolvidos no cenário agropecuário, destacando a quantidade expressiva de mulheres que atuam em cooperativas já estabelecidas ou em formação e também que trabalham direto no campo. Algo muito interessante também é que o tema ‘mudanças climáticas’ foi apontado em quase todas as palestras que participamos mostrando ser de grande interesse e ao mesmo tempo preocupante para todos, mundialmente. ”